Thursday, December 04, 2008

Quantum Of Solace & 27 Dresses & The Holiday

Ora bem, parece-me que este registo do realizador Marc Forster (Monster´s Ball e Finding Neverland) é um digníssimo sucessor do excelente Casino Royale. Ciente de que tinha o dobro da acção, receeie que me aborrecesse como todos os outros filmes da saga (sei que parece uma contradição, mas tudo o que seja James Bonds recentes pré-Casico Royalle me é aborrecido, para além de chamarem estúpidos aos espectadores, ou por causa disso). Este de Daniel Craig nasceu, sem dúvida, muito mais à imagem de filmes competentes e inteligentes como a saga Bourne, não deixando de ser Bond, James Bond (apesar de esta frase já fazer parte do passado acima referido).

Gostei principalmente das cenas físicas, das perseguições pelos telhados de Siena, do sangue e da morte neste novo Bond. Quanto à Bond Girl, adivinhava-se difícil seguir as pegadas da Vesper Lynd de Eva Green, mas gostei do facto desta Camille de Olga Kurylenko dar conta do recado (ou seja, de um mauzão) mas, no seguimento dessa eficiência, ser encurralada pelo único elemento que o poderia fazer, do qual tem cicatrizes (ou seja, uma personagem feminina cujo principal contributo não é a perfeição corporal, pelo contrário, mas sim ser uma igual). E aí, entra Bond, Daniel Craig Bond. Bom. Muito bom.
.
Comédia romântica com alguns momentos engraçados - lembro-me especialmente da cena "Beware of the Bridezilla!!"-, com dois actores que funcionaram muito bem (Katherine Heigl e James Mardsen) - lembro-me da cena no bar ou da passagem de vestidos. Ou seja, que não me fez revirar os olhos de lamechice. Não é memorável, mas é agradável.



Oooooohhhh "ca" treta de filme!! Esta fez-me MESMO revirar os olhos de tão aborrecida e da gritante falta de ideias - excepção ao facto da personagem de Cameron Diaz não conseguir chorar, tá engraçado, vá. Nem mesmo os meus super favoritos Kate Winslet e Jude Law se safam, especialmente ela, uma vez que a realizadora Nancy Meyers conseguiu fazê-la parecer uma actriz medíocre. Oooohhh que chatice!!

4 comments:

Anita :) said...

Quantum of Solace: não faz esquecer o Casino Royale, obviamente mas, também não desilude!!mais, do que um filme de bond é um bom filme de acção!!!e, o Craig volta a provar que é um Bond à altura

27 Dresses: vê-se bem mas, não deslumbra...

The holiday: eu gostei!!é um bom guilty pleasure:))) e, tem o Jude e a Kate:) vale sempre a pena por eles:)

Nia said...

Pois, deve ter sido no teu blog k li sobre o The Holiday e pensei k afinal tlvz valesse a pena tentar... mas não, definitly no :o

O Jude Law é spr bom, principalmente num papel de perfeito fofo... mas pronto...

Anita :) said...

não foi no meu que viste...não lhe dediquei nenhum post embora ache que o devia ter feiro como forma de colocar mais uma foto do jude lá no cantinho, ehehehehe:)))

Nia said...

Ah sorry... "inganei"-me :o